sexta-feira, 11 de novembro de 2011

SEMANA DA ACESSIBILIDADE NO CCBB RIO

O Centro Cultural Banco do Brasil Rio de Janeiro realiza dos dias 23 a 27 de novembro de 2011 a Semana da Acessibilidade. A proposta é estreitar o diálogo sobre assuntos relacionados à acessibilidade e promover ações que contemplem a diversidade do público. A idéia vem sendo trabalhada há 4 anos com a realização de fins de semanas especiais realizados pelo programa educativo na última semana de novembro. O CCBB Educativo possui também um Grupo de Pesquisa em Acessibilidade. Para tornar as ações acessíveis, os integrantes deste grupo aprofundam seus conhecimentos e desenvolvem estratégias para atender a todo público.

A partir da pergunta - Acessível a quem? - a equipe de educadores selecionou uma série de ações práticas: Laboratórios de Ações Criativas, Contações de Histórias, Pequenas Mãos (voltado para crianças de 3 a 6 anos), Musicando e Visitas Mediadas. A proposta é aproximar as pessoas, com suas características e diferenças, com essas ações.

Dentro das atividades da semana, será realizado no dia 24, o Encontro da RAM - Rede de Acessibilidade em Museus e no dia 26 o Práticas e Reflexões com Educadores, onde o tema desenvolvido será Acessibilidade – Escola, Família e Espaço Cultural, com a participação de Nelma Pintor - Coordenadora de Educação Especial da Rede Municipal de Niterói (RJ), Rosana Glat - Doutora em Psicologia Social e Professora Adjunta (UERJ) e educadores do CCBB.


Ainda na programação, os espetáculos dos grupos: Harmonia Enlouquece e Ações Poéticas Sistema Nervoso Alterado, que nasceram dentro do Centro Psiquiátrico Rio de Janeiro e do Espaço Aberto. Haverá também uma apresentação de dança com a Pulsar Cia. Dança Contemporânea, uma das primeiras companhias de dança brasileiras a incluir bailarinos com deficiência em seu elenco.

PROGRAMAÇÃO

Rede de Acessibilidade em Museus – RAM

Dia 24 de 10h a 12h |  Teatro 2

A RAM (Rede de Acessibilidade nos Museus) é uma rede que pretende juntar profissionais que trabalham em museus nas mais diversas áreas para tratarem de assuntos relacionados à acessibilidade. É um espaço aberto para colocar experiências, ações, atividades, sugestões, convites e idéias que girem em torno das questões que possibilitam ao público  de museus segurança, autonomia, diversão e arte.

Práticas e Reflexões com Educadores

Dia 26 de 10h a 13h |Teatro 1

Encontro entre profissionais envolvidos com educação cultural e estética, a fim de compartilhar estratégias de aproximação entre educação formal e não formal, com enfoque transdisciplinar. Tema: Acessibilidade – Escola, Família e Espaço Cultural.

Convidadas

Rosana Glat

Doutorado em Psicologia Social pela Fundação Getulio Vargas / Mestrado em Psicologia com ênfase em Deficiência Mental pela Northeastern University de Boston / Formada em Psicologia pela University of the Pacific da California. Professora Adjunta da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), atuando no Programa de Pós-Graduação em Educação (PROPEd), bem como no Curso de Pedagogia nas modalidades presencial e à distância. Coordenadora do Programa de Iniciação Científica da UERJ. É pesquisadora do CNPq e da FAPERJ, membro do Conselho Consultivo da Faetec e consultora da Federação Nacional das APAEs.

Autora de diversas obras entre elas a coleção Questões Atuais em Educação Especial pela Editora 7 Letras, sendo seu ultimo lançamento Inclusão escolar de alunos com necessidades especiais, pela Eduerj.

Nelma Pintor

Doutoranda do Programa de Saúde da Mulher e da Criança do Instituto Fernandes Figueira da FIOCRUZ. Possui graduação em Licenciatura Em Psicologia - Faculdades Integradas Maria Thereza (2001) / Mestrado em Educação pela Universidade Federal Fluminense (1987) / Graduação em Fonoaudiologia pela Universidade Católica de Pernambuco (1982) / Graduação em Formação de Psicólogo pela Universidade Católica de Pernambuco (1979) / Graduação em Bacharelado Em Psicologia pela Universidade Católica de Pernambuco (1979). Atualmente é professor - Secretaria Municipal de Educação de Niterói RJ e professor auxiliar da Universidade Estácio de Sá. Tem experiência na área de Psicologia, com ênfase em Psicologia do Ensino e da Aprendizagem, atuando principalmente nos seguintes temas: educação especial, educação, formação de professores, desenvolvimento e educação e saúde.           

APRESENTAÇÃO:

Dia 25 às 18h30 | Teatro 2

HARMONIA ENLOUQUECE

O projeto "Convivendo com a Música" nasceu no Centro Psiquiátrico Rio de Janeiro em 2001, através do desejo de oferecer um espaço onde os sujeitos envolvidos pudessem vivenciar diversas atividades sonoras musicais, dando lugar à expressão, à criatividade e à comunicação, sendo coordenada pelo psicólogo e musicoterapeuta Sidnei M. Dantas. Trata-se de uma atividade aberta a todos da instituição, sejam usuários ou técnicos. O grupo "Harmonia Enlouquece" emerge como desdobramento de tais encontros, dando corpo e voz aos nossos "delírios musicais", com canções próprias e interpretações do cancioneiro popular.

Dia 26 às 14h | Teatro 1

SISTEMA NERVOSO ALTERADO

O Grupo de Ações Poéticas  Sistema Nervoso Alterado, criado em 1999, é formado por pacientes e técnicos (psiquiatra, psicólogos etc) artistas, colaboradores vizinhos do Espaço Aberto ao Tempo. Tem como objetivo intermediar, através da arte, as relações sociais de pessoas diagnosticadas pela psiquiatria como psicóticas. É um musical que incorpora em seu espetáculo linguagens da performance, da dança, teatro e do audiovisual.

Dia 27 – 16h | Foyer

PULSAR COMPANHIA DE DANÇA CONTEMPORÂNEA

A Pulsar Cia. de Dança Contemporânea foi criada em 2000 no Rio de Janeiro. Dirigida por Teresa Taquechel, vem sendo considerada nos últimos anos uma referência nacional no trabalho com arte, dança, deficiência e inclusão social. Ao longo de onze anos, vem também ministrando palestras e oficinas sobre dança, educação e cidadania, contribuindo de forma ativa no diálogo sobre política de inclusão cultural. É uma das primeiras companhias de dança brasileiras a incluir bailarinos portadores de deficiência em seu elenco, desenvolvendo pesquisas de movimentos e coreografias que qualificam sua dança como arte.

PROGRAMAÇÃO DO EDUCATIVO:

Visita Sensorial à exposição Índia

Dias 23, 24, 25, 26 e 27 às 13h

(Com) tato com a Índia

Audição, olfato e tato. O visitante será levado a conhecer um pouco sobre a cultura indiana através de narrativas que estimulem outros sentidos que não o visual.  Venha embarcar numa visita que vai despertar incontáveis sensações e deixá-lo lado a lado com a índia.

Laboratório de Ações Criativas

Dias 26 e 27 às 11h, 15h e 17h


 

Time is money / Tempo é dinheiro - Fernando

Porque um copo d'água vale menos que uma pedra de ouro? Como estabelecemos o valor das coisas? O que representam as imagens de nossas cédulas de dinheiro? Se tivéssemos que escolher as imagens que estariam em nossa moeda, quais escolheríamos? O laboratório "Time is Money" (Tempo é Dinheiro) propõe uma reflexão sobre as relações humanas e o dinheiro através de uma atividade em que os participantes realizarão desenhos com linhas em uma superfície auto colante, de modo que videntes e não videntes possam participar.

Libras e Mudras

Estas duas formas diferentes de comunicação através da expressão corporal são exploradas e desdobradas como linguagem para esta atividade. Fragmentos de textos são transformados em construção narrativa pelos participantes, utilizando a comunicação gestual.

Mosaico

A criação de imagens abstratas pode acontecer de diversas maneiras, aqui a geometria e as texturas serão os materiais para que, em duplas, os participantes inventem representações sem figuras. O estímulo será um substantivo e a ação depende das suas idéias e do diálogo com o diferente, o outro. A partir de formas geométricas texturizadas as pessoas vão criar representações e não figuras.

Em cantos e contos – família

História de Ganesha [em LIBRAS]

Dias 24 e 25 às 17h

Ganesha, o deus com cabeça de elefante, é venerado na Índia por ajudar a vencer os obstáculos. Filho da deusa Parvati com o deus Shiva, tem a sua história entremeada de surpresas e aventuras.

Os concursos de reis e do coelho

Dia 26 às 16h

Era uma vez um rei que amava histórias, porém, ele gostava de histórias gigantes e o seu contador oficial não conseguia satisfazê-lo, então resolve fazer um concurso para que algum contador no reino pudesse contar a maior história de todas até ele pedir para parar, e quem não conseguisse agradar o rei ganha um castigo. Já o irmão deste rei, que também era rei de um reinado mais distante, tinha uma filha muito mentirosa e estava incomodado com a fama de "A Princesa Mais Mentirosa do Mundo". Resolve abrir um concurso para encontrar alguém que conte uma mentira maior que e a faça dizer a verdade. Ali por perto vivia um coelho cansado de tanto trabalhar, que um dia chega em casa e ouve uma voz estranha...

A princesa sapa

Dia 27 às 16h

Um rei, já velho, pede que seus filhos se casem antes que ele morra. Dá a eles três flechas, onde a flecha cair, lá estará seu destino. Todos voltam contentes, menos o caçula Ivan, que volta com uma Sapa. Eles começam a se conhecer melhor e Ivan descobre que já não consegue ficar longe de sua Sapinha. Mas algo terrível acontece, agora Ivan tem que enfrentar as mais diversas aventuras para ter seu amor de volta. Uma história com aventuras, texturas, cores e sonhos.

Em cantos e contos – adultos

Solfieri

Dias 23 e 26 às 17h

Em uma visita a Roma Solfieri avista à janela de um palácio uma sombra de mulher, a quem resolve seguir. Segue-a até um cemitério onde ela some. Um ano depois Solfieri retorna a Roma e tem sua mente novamente povoada pela visão de outrora. Ele a reencontra em um templo, semicerrada em um caixão e resolve leva-la consigo.

Príncipes de Pedra

Dia 27 às 17h

Três jovens príncipes de um reino distante são submetidos ao ensinamentos de um iogue, que controla a própria mente e, por extensão, a natureza. Sua simplicidade mostra que a verdadeira inteligência não é algo complicado.

Pequenas Mãos

Memórias da Índia

Dias 26 e 27 às 11h e 15h

Já imaginou um lugar onde as pessoas andam em cima de elefantes pela rua? Onde existe um deus com corpo de homem e cabeça de elefante? Se você não sabe, esse lugar é a Índia. As crianças vão descobrir e conhecer mais sobre essa cultura nesta viagem que reúne contação de histórias, jogo da memória, quebra cabeça e muito mais.

Musicando | Índia Jaya Jaya

Dias 26 e 27 às 13h

O Musicando propõe uma viagem à milenar civilização indiana através de sua música. No repertório, músicas devocionais (Kirta), que são tocadas nos templos indianos. Entre uma música e outra, os educadores do CCBB Educativo apresentarão intervenções cênicas.

SEMANA DA ACESSIBILIDADE

Centro Cultural Banco do Brasil

Rua Primeiro de Março, 66 – 1º andar – Centro

Tel. (21) 38082020

www.bb.com.br

De terça a domingo, das 10h às 21h.

Entrada franca




Um comentário:

Karla Valéria disse...

Minha linda, que blog maravilhoso. Amei. Parabéns pelo trabalho. Ficaria feliz se me visitasse e participasse do meu sorteio. Serás bem vinda!
Um beijo.
http://professoravaleriaeduc.blogspot.com
Karla Valéria

Compartilhe

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...